Partilhar

Como iniciar a técnica low poo

 
Por Paula Cassandra. Atualizado: 2 novembro 2017
Como iniciar a técnica low poo

Diferente do que muitos comerciais de shampoo afirmam, nem todos esses produtos são saudáveis para os cabelos, já que alguns deles possuem substâncias que prejudicam os fios, tirando a sua oleosidade normal, por exemplo. Nos cabelos cacheados o problema é ainda maior, mas existem formas de evitar esses produtos. Para tanto, aprenda a como iniciar a técnica low poo com as dicas que o umComo.com.br separou sobre o assunto para você.

Também lhe pode interessar: Alternativas naturais ao xampu
Passos a seguir:
1

A técnica low poo busca a redução do uso de shampoo e, principalmente, a identificação de quais são as substâncias que prejudicam os fios. O mesmo acontece em relação a produtos de tratamento capilar em geral. Com isso, é possível encontrar produtos com componentes mais benéficos, inclusive, às madeixas encaracoladas e crespas, pois são elas que mais sofrem com produtos de baixa qualidade. A questão é que alguns shampoos lavam demais os fios, removendo até mesmo a sua oleosidade natural, que é essencial para a saúde do cabelo.

Como iniciar a técnica low poo - Passo 1
2

Nesse sentido, para iniciar a técnica low poo, o primeiro passo é saber identificar quais são as substâncias ruins para os fios e, ao comprar um shampoo, ler os seus ingredientes para garantir que a escolha é isenta de tais componentes. Os petrolados estão no topo da lista das substâncias que devem ser extintas. São todos derivados do petróleo, como o óleo mineral, parafina líquida e isoparafina. No entanto, como muitos rótulos apresentam os ingredientes em inglês é preciso saber como são escritos no idioma. Em relação aos já citados: mineral oil, paraffinum liquidum ou liquid paraffin e isoparaffinum, respectivamente.

3

Outras substâncias a se evitar são: petroleum ou petrolatum, deobase, vaselina, prolatum oil e outros que são acompanhados da palavra wax, como paraffin wax e hydrocarbon wax. O alkane também está na lista, mas o seu nome pode variar e aparecer como hexane, septane, etc. No entanto, o alkane pode surgir ainda como methane, ethane, etc, sendo que nesse caso eles estão liberados, inclusive, nos sprays de fixação, que aparecem como butane e propane. Para eliminar os petrolados, portanto, não basta ler a embalagem dos shampoos, mas também de produtos como leave-in, condicionador e máscara de tratamento.

4

Depois de se livrar dos petrolatos, chega a vez de abdicar dos surfactantes fortes, os sulfatos, que para ter uma ideia também estão presentes nos detergentes de cozinha. Para identificá-los, basta encontrar componentes em que esteja escrito sulfonato/sulfonate e/ou sulfato/sulfate em seu nome. Porém, o mesmo não acontece com o sulfosuccinato/sulfosuccinate e o sarcosinato/sarcosinate, que se trata de surfactantes suaves que não causam os mesmos danos que os fortes. O methosulfate também está liberado.

Como iniciar a técnica low poo - Passo 4
5

Na hora de iniciar o low poo para valer, entretanto, a dica é que na última lavagem anterior ao tratamento, você use um shampoo com sulfato, pois ele vai ajudar a eliminar todos os petrolatos acumulados nos seus fios. A partir daí é preciso usar shampoo e demais produtos sem as substâncias citadas. Embora esteja liberado para utilizar, é preciso moderar no uso de silicone nos fios. Também é necessário higienizar muito bem pentes, escovas e demais acessórios que você costuma usar no cabelo, pois neles pode haver os resíduos de substâncias que você vai abolir.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como iniciar a técnica low poo, recomendamos que entre na nossa categoria de Beleza e Cuidados Pessoais.

Escrever comentário sobre Como iniciar a técnica low poo

O que lhe pareceu o artigo?

Como iniciar a técnica low poo
1 de 3
Como iniciar a técnica low poo

Voltar ao topo da página