Partilhar
Partilhar em:

Jejum intermitente: como fazer

Passo a Passo
1 comentário
 
Jejum intermitente: como fazer

Você já ouviu sobre a dieta em que as pessoas ficam muitas horas, muitas horas mesmo, sem comer? O chamado jejum intermitente é um método de emagrecimento que, embora tenha ganhado fama porque algumas celebridades aderiram a ele, exige uma série de cuidados antes de iniciá-lo. Confira com o umComo.com.br mais informações sobre o jejum intermitente: como fazer.

Também lhe pode interessar: Como fazer jejum
Passos a seguir:
1

Embora não seja considera por muitos especialistas como uma dieta, o jejum intermitente é dito como um método de emagrecimento, que também leva o nome de dieta 2/5. Ele foi adotado por muitas celebridades recentemente, o que chamou a atenção das pessoas para essa modalidade de emagrecimento. Existem diferentes maneiras de como fazer essa dieta e ficar sem comer por um longo período de tempo.

2

Em uma das maneiras de fazer o jejum, indica-se que a pessoa adepta da dieta coma durante cinco dias da semana tudo o que quiser e nos dois dias restantes prolongue as horas sem ingerir nada. Porém, esses dois dias não devem ser consecutivos, o que pode prejudicar ainda mais a saúde. Além disso, conforme o tipo de dieta escolhida, o adepto fica mais ou menos horas sem comer. A indicação é que nos dias de jejum homens não consumam mais do que 600 calorias e mulheres não ultrapassem as 500 calorias.

3

Esses valores são, em média, equivalentes a somente um quarto do que uma pessoa deve ingerir por dia, ou seja, é bem pouco. Desse modo, uma forma de seguir o método é ingerindo todos os grupos alimentares no jantar e ficar as próximas 24 horas sem comer mais nada e, ao final, fazer novamente uma refeição rica em todos os nutrientes. Além de emagrecer, quem defende o jejum intermitente afirma que ele é benéfico para o bom funcionamento cerebral e assim pode até mesmo evitar doenças que atinjam o cérebro.

4

No entanto, não existem comprovações científicas que embasem as vantagens do método. O mesmo pode ser dito sobre os benefícios para quem deseja desenvolver a sua massa magra. O jejum intermitente, aliás, é usado por muitas pessoas que buscam a hipertrofia. Desse modo, costuma-se seguir uma dieta em que o treino de força com alta intensidade seja feito em jejum. Já no almoço, o adepto deve ingerir apenas metade das calorias que costuma consumir e o mesmo deve ser feito na hora da janta.

5

Existem especialistas, entretanto, que não aconselhavam fazer atividades físicas de estômago vazio. O melhor, portanto, é conversar com o seu médico sobre essa possibilidade e também se informar sobre os suplementos alimentares mais indicados para o seu caso. Consumir o produto é indicado, inclusive, no jejum intermitente, principalmente, antes de iniciar o novo jejum. Já que se trata de um método com diversas ressalvas, o melhor é conversar com um especialista antes de iniciar a dieta, independente do objetivo.

6

É preciso ainda estar atento às contraindicações, porque o jejum intermitente não é adequado a pessoas que tenham hipoglicemia (nível baixo de açúcar no sangue), uma vez que a dieta 2/5 causa a redução de açúcar do sangue, o que pode causar complicações. Quem tem diabetes também não deve seguir essa dieta. Pela falta de estudos desaconselha-se ainda que mulheres grávidas e que estejam amamentando, bem como crianças e idosos façam o jejum.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Jejum intermitente: como fazer, recomendamos que entre na nossa categoria de Peso e Imagem Corporal.

Comentários (1)

Escrever comentário sobre Jejum intermitente: como fazer

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
ODETE SPADA CARVALHO
como fazer o regime Intermitentr??
Editor umComo.com.br (Editor de umComo)
Oi Odete! Basta seguir as instruções do texto.

Jejum intermitente: como fazer
1 de 3
Jejum intermitente: como fazer