Partilhar

Como é a massagem sueca

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como é a massagem sueca

Uma das melhores opções para eliminar o estresse, as tensões acumuladas, as dores nas costas e combater uma má circulação sanguínea, entre outras coisas, é a massagem sueca. Trata-se da massagem mais conhecida e utilizada em todo o mundo que tem como principal objetivo equilibrar o corpo de forma natural, tonificando e relaxando por completo, além de contribuir para a melhoria da circulação sanguínea. Quer saber mais sobre como é a massagem sueca? Continue lendo este artigo de umComo para descobrir em que consiste, quais são os seus benefícios e de que forma se realiza uma sessão de massagem sueca.

Também lhe pode interessar: Como é a massagem shiatsu

O que é uma massagem sueca

A massagem sueca, criada pelo médico sueco Henrik Ling, é uma das técnicas de massagem mais antigas e populares no mundo inteiro, com origem nas civilizações chinesa, egípcia, indiana e, especialmente, na greco-romana. Hoje em dia, trata-se de uma modalidade que serviu de base para a maioria de técnicas de massagem terapêutica.

Pois bem, a massagem sueca consiste concretamente em aplicar uma massagem (com movimentos suaves ou fortes) pelo corpo inteiro seguindo sempre o sentido contrário à circulação sanguínea. Com isso, procura-se favorecer a saúde física e emocional do paciente, centrando-se principalmente em melhorar o fluxo do sangue, a atividade cardiovascular e, portanto, o funcionamento do coração.

Como é a massagem sueca - O que é uma massagem sueca

Benefícios da massagem sueca

Como já dissemos, a massagem sueca é uma técnica terapêutica excelente tanto para a saúde física como mental, pois traz inúmeros benefícios entre os quais se destacam:

  • Melhoria e ativação da circulação sanguínea;
  • Proporciona um relaxamento muscular profundo;
  • Estimula os tecidos da pele, melhorando a aparência da mesma;
  • Acelera a circulação linfática;
  • Reduz e alivia determinadas doenças musculares fruto de contraturas, tensões e nós;
  • Reduz o tecido adiposo, favorecendo a firmeza e elasticidade da pele.

A massagem sueca pode ser uma boa opção para tratar contraturas, torções e distensões musculares, problemas de circulação, artrose, lombalgia, dores nas costas, assim como pode ser um complemento ideal para tratamentos contra a celulite ou esportivos, indicados para fortalecer e tonificar a musculatura do corpo.

Como se faz uma massagem sueca

Para receber uma massagem sueca, o profissional indicará que tire a roupa ou fique em roupa interior e cobrirá você com um lençol, deixando visível a zona a massagear nesse exato momento. Usam-se óleos ou cremes, esquentados previamente com as mãos, para evitar o atrito com a pele e fazer com que a experiência seja mais prazerosa.

Ao longo da massagem combinam-se diferentes movimentos aplicados sempre na contramão da circulação sanguínea. Os movimentos mais característicos da massagem sueca são os seguintes:

  • Effleurage: deslizam-se as mãos com as mãos abertas e os dedos levemente flexionados sobre a pele, em direção ao coração. Servem para relaxar e acalmar o corpo e esquentar os músculos.
  • Petrissage: movimento similar ao de um amassamento. Relaxam profundamente e aumentam a circulação.
  • Pressão de pontos: usa-se o dedo polegar para pressionar os pontos onde o paciente sente dores, fruto do estresse e da tensão acumulada.
  • Atrito profundo: movimentos circulares que produzem atritos para acalmar a tensão.
  • Rodinhos: belisca-se suavemente uma área específica da pele.
  • Tapotament: golpeia-se a zona com a palma da mão, geralmente no final da massagem.
  • Escovação com os dedos: os dedos são colocados como se fossem um pente e deslizados exercendo uma pressão suave com a ponta dos mesmos.
Como é a massagem sueca - Como se faz uma massagem sueca

Contra-indicações da massagem sueca

Para poder se beneficiar ao máximo da massagem sueca é conveniente que vá a um centro especializado e com experiência no setor. Além disso, lembre-se que este tratamento é contraindicado para pacientes que sofram de:

  • Inflamações agudas;
  • Doenças hemorrágicas ou cancerígenas;
  • Problemas de pele e de cabelo;
  • Traumatismos com feridas abertas;
  • Patologias vasculares;
  • Problemas no coração;
  • Úlceras internas;
  • Na fase aguda das doenças reumáticas.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como é a massagem sueca, recomendamos que entre na nossa categoria de Beleza e Cuidados Pessoais.

Escrever comentário sobre Como é a massagem sueca

O que lhe pareceu o artigo?

Como é a massagem sueca
1 de 3
Como é a massagem sueca

Voltar ao topo da página