Partilhar

Como acabar com bigode chinês

 
Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como acabar com bigode chinês

Temor para muitas mulheres, o chamado bigode chinês são as marcas de idade que aparecem entre o nariz e o canto da boca, o que costuma acontecer dos dois lados, por isso o seu nome. É um sinal de envelhecimento, ou mais especificamente, da perda de gordura do local, que é normal com o passar dos anos. Ele pode aparecer já quando a mulher chega à casa dos 30 anos. No entanto, existem diferentes técnicas de como acabar com bigode chinês, bem como dicas para amenizar os efeitos na região e para você que quer saber tudo sobre o assunto, confira as informações reunidas pelo umCOMO.

Também lhe pode interessar: Como acabar com rugas na testa
Passos a seguir:
1

Cremes anti-idade: esses produtos podem ajudar muito a quem deseja acabar com bigode chinês, ainda mais as mulheres que ainda não chegaram aos 30 anos ou recém os completaram. Isso porque nessa fase as marcas no rosto costumam ser pouco visíveis e esses produtos podem dar conta do recado. Os cremes anti-idade possuem o objetivo de estimular a produção de colágeno na região onde são aplicados e, com mais dessa substância, menos flacidez a cútis tem e, por consequência, menores são os sulcos faciais.

Como acabar com bigode chinês - Passo 1
2

Adipofill: entre os princípios ativos usados para a fabricação de cremes, géis e outros produtos, que ajudam nos tratamentos para eliminar ou ao menos reduzir exponencialmente o famoso bigode chinês, um deles é o adipofill. A sua finalidade é a de produzir tecido gorduroso justamente entre o nariz e os cantos da boca, o que é de responsabilidade principalmente da ornitina, um aminoácido que está no ativo. Como o corpo não fabrica essa substância, ela pode ser incorporada na fórmula de hidratantes e outros produtos em farmácias de manipulação. Os resultados começam a aparecer dois meses depois que o seu uso se inicia e, além de suavizar as linhas de expressão, removem o aspecto rugoso da pele. No entanto, é recomendada uma visita ao dermatologista para que ele prescreva a receita com a melhor dosagem do princípio ativo para cada pessoa.

3

Hyanify: é outro princípio ativo que pode entrar na fórmula de diferentes cosméticos, nesse caso, o seu funcionamento se dá por meio da síntese de ácido hialurônico pelos fibroblastos. Dessa forma, a cútis do rosto ganha maior sustentação e mesmo volume, o que ajuda na recuperação do volume facial que foi perdido e que torna o bigode de chinês mais visível. Além de ser aplicado em torno de duas vezes por dia, é importante que o creme com essa substância seja passado na pele com movimentos circulares. Essa massagem colabora com a absorção do produto pelas camadas mais profundas da cútis. Assim como outras substâncias que são aplicadas por meio de cosméticos, é mais indicada a mulheres na casa dos 30 anos.

4

Peeling químico: quando as marcas do bigode chinês ainda estão finas e suaves na pele, o peeling químico é uma técnica que pode oferecer ótimos resultados, por isso, pode ser uma alternativa a mulheres que estão na casa dos 40 anos. Para essa técnica, se faz uso do ácido retinoico e do tricloroacético. No entanto, é preciso, em geral, de no mínimo três sessões para que os resultados apareçam. O peeling feito com fenol pode ser ainda mais eficiente, uma vez que a descamação que promove é profunda. De qualquer forma, é de extrema importância buscar clínicas estéticas de confiança para realizar esses procedimentos de maneira adequada.

5

Laser de CO2 Fracionado: essa técnica funciona como um peeling profundo na pele, sendo que também é a partir da terceira sessão que os resultados começam a ser observados. Esse tratamento requer muito cuidado e, por isso, é essencial buscar um lugar seguro e capacitado para realizá-lo. Além disso, é importante que haja um espaço entre uma sessão e outra, que deve ser de pelo menos três dias. É comum que o tratamento cause vermelhidão, podendo demorar duas semanas para desaparecer. A técnica funciona com as ondas do laser aquecendo a pele de maneira rápida, o que causa micro perfurações que vão renovar as suas células. O CO2 estimula ainda a contração do tecido, combatendo a flacidez e suavizando as linhas de expressão.

6

Radiofrequência: também possui um efeito térmico sobre a pele que tem como objetivo estimular a produção de novas moléculas de colágeno. Isso acontece através de um aparelho de radiofrequência que emite correntes de alta frequência que chegam ao tecido subcutâneo da pele, atuando no seu colágeno, a fim de reproduzi-lo. Essa técnica, por combater a flacidez da pele, deixa o bigode de chinês menos visível. O procedimento se assemelha ao laser porque nesse caso também existe também a contração da cútis, bem como é indicado para quem está com 40 anos ou mais.

7

Carboxiterapia: é outro tratamento muito eficiente para combater a flacidez da pele e, por consequência, reduzir as suas marcas de expressão, inclusive, as que ficam entre o nariz e os cantos da boca. Para ter os resultados esperados, em geral, é preciso realizar duas sessões, sendo que entre elas deve haver uma semana de intervalo. A técnica consiste em aplicar anidro carbônico, ou seja, gás carbônico, no tecido, onde se deseja aumentar o fluxo vascular e a sua oxigenação, melhorado o aspecto da cútis. Esse tratamento é uma alternativa eficiente para quem não chegou aos 50 anos.

Como acabar com bigode chinês - Passo 7
8

Preenchimentos: quando as linhas que formam o bigode chinês estão bastante visíveis esse é um método bastante indicado, sendo que para tanto se faz uso do ácido hialurônico. O resultado do preenchimento pode durar até um ano e meio, quando se recomenda repetir o tratamento. O procedimento consiste em depositar embaixo da ruga um tipo de gel contendo ácido hialurônico, com a ajuda de uma agulha. Com isso, os sulcos da pele se elevam, eliminando de uma vez por todas o bigode chinês.

9

Toxina botulínica: o famoso botox é outra substância bastante popular quando o assunto são as marcas de expressão. O seu uso se dá também por meio de um preenchimento, uma vez que a toxina é depositada entre a pele e a gordura do rosto, a fim de diminuir os sulcos faciais ali presentes. Isso acontece porque a substância relaxa a musculatura, ao inibir o estímulo das células que realizam a contração muscular. Porém, os seus efeitos se prolongam apenas por seis meses no máximo, quando é preciso repetir o procedimento.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como acabar com bigode chinês, recomendamos que entre na nossa categoria de Beleza e Cuidados Pessoais.

Escrever comentário sobre Como acabar com bigode chinês

O que lhe pareceu o artigo?

Como acabar com bigode chinês
1 de 3
Como acabar com bigode chinês

Voltar ao topo da página