Partilhar

Depilação a laser: pode tomar sol?

 
Por Julia Latorre. Atualizado: 13 outubro 2017
Depilação a laser: pode tomar sol?

A ditadura da beleza instaurou o paradigma de que bonito é viver sem pelos. Não é fácil se livrar desse conceito, além de ser uma opção pessoal conviver com eles ou não. Uma alternativa encontrada para diminuir as dolorosas sessões na maca de depilação ou o conhecido ritual de 'bater a gilete na parede do box' é a depilação a laser, que promete eliminar praticamente 99% dos pelos após um determinado número de sessões. Apesar do procedimento quase 'milagroso' existem cuidados que precisam ser tomados para proteger a pele da reação com o laser. Para esclarecer, o umCOMO reuniu informações e responde se quem faz depilação a laser pode tomar sol.

Antes da depilação a laser

  • Uma avaliação de pele com um dermatologista antes da primeira sessão é fundamental para que seu tipo de pele e pelo sejam avaliados. Isso faz toda a diferença na frequência que será usada durante cada sessão e, consequentemente, para a eficácia do tratamento. Os tratamentos convencionais com laser são recomendados para pelos escuros e mais grossos, assim como a interrupção do crescimento do pelo na pele negra requer cuidados específicos. Hoje em dia já existem máquinas e frequências específicas para pelos mais claros e finos ou peles mais escutas. Este é outro motivo que indica a importância da avaliação de um profissional antes do início do tratamento.
  • Dermatologistas e esteticistas recomendam começar as sessões de depilação a laser nas épocas mais frias do ano para evitar o sol. Mesmo assim, antes de uma sessão, é indicado ficar pelo menos 3 semanas sem tomar sol para evitar as possíveis manchas.
  • Existem tratamentos médicos que também podem influenciar nas reações da sua pele e deixá-la mais sensível como hormônios e tratamentos para a acne, por exemplo. Avise ao seu médico e esteticista sobre o uso desses medicamento antes de começar as sessões.
  • Medicamentos que contém retinol ou ácido glicoico também devem ser suspensos pelo menos uma semana antes das sessões.

Entenda: Quais são os diferentes tipos de depilação

Cuidados após a depilação a laser

  • É normal sentir ardência e notar um pouco de vermelhidão no local após cada sessão. O procedimento básico para aliviar estes sintomas é aplicar gel calmante e protetor solar. Geralmente na própria clínica eles já têm o gel logo após a sessão.
  • Se mesmo com o gel o incômodo persistir, pode se fazer uma compressa gelada por 30 minutos no local afetado.
  • Nos dias seguintes à sessão, cremes hidratantes neutros estão permitidos contanto que já tenham sido testado na pele antes e não causem alergias.
  • O protetor solar é indispensável mesmo que não haja exposição direta ao sol. Recomenda-se o seu uso até mesmo em ambientes fechados porém com luz indireta.
  • A maquiagem costuma não ter fortes reações em peles recém depiladas pelo laser. Mesmo assim, evite produtos que possam causar alergia. Se você tem a pele mais sensível, uma dica é apostar em produtos minerais.
  • A depilação convencional durante o tratamento a laser deve ser sempre com lâmina ou outros métodos que não removam o pelo pela raíz ou preservem a sua estrutura.
  • Roupas apertadas, em caso de depilação corporal, também devem ser usadas com moderação para evitar a a foliculite.

Sugestão: Quais são as vantagens da depilação a laser

Posso tomar sol depois da depilação a laser?

Embora já existam lasers que permitam tomar sol após a sessão, como o Lase LightSher Duet, eles costumam ser uma exceção. Portanto, a indicação geral é não tomar sol depois da depilação a laser, principalmente nos 7 primeiros dias. Evitar a exposição ao sol após sessões de depilação a laser é a principal dica para evitar manchas na pele, bolhas e até cicatrizes.

Da mesma forma, cremes autobronzeadores também não são recomendados antes ou durante o tratamento.

Depilação a laser Light Sheer pode tomar sol?

A diferença do Lases Light Sheer é que ele tem uma atuação melhor sobre peles negras e bronzeadas agindo com um laser mais concentrado.

Depilação a laser: cuidados com sol

Mesmo evitando a exposição direta ao sol, o protetor solar deve ser usado sempre. Mesmo em ambientes fechados ou dias nublados. Opte por protetores que tenham FPS, no minino, com fator de proteção 30, quanto mais alto o fator de proteção, menores as chances de algum mancha ou cicatriz.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Depilação a laser: pode tomar sol?, recomendamos que entre na nossa categoria de Beleza e Cuidados Pessoais.

Conselhos
  • A depilação a laser precisa ser feita por profissionais. Por se tratar de um aparelho que 'queima' a pele, se ele for mal utilizado pode causar queimaduras sérias com bolhas e o escurecimento da pele.

Escrever comentário sobre Depilação a laser: pode tomar sol?

O que lhe pareceu o artigo?

Depilação a laser: pode tomar sol?
Depilação a laser: pode tomar sol?

Voltar ao topo da página