Partilhar

Acne hormonal: tratamento natural e caseiro

 
Por Ana Ferraz. 8 abril 2019
Acne hormonal: tratamento natural e caseiro

A acne é uma inflamação da pele muito comum na fase da puberdade, mas também pode aparecer quando somos já adultos, na maioria dos casos como consequência de desequilíbrios ou distúrbios hormonais no organismo, como os que são gerados durante a gravidez ou o ciclo menstrual. A acne hormonal costuma a se manifestar em poros entupidos com cistos profundos, inflamados e sensíveis ao toque principalmente na área das bochechas e ao longo da linha da mandíbula.

Além disso, antes de iniciar um tratamento dermatológico se a acne é bem acentuada, também é possível combatê-la com alguns tratamentos naturais e bons cuidados de higiene. Para isso, para saber como acabar com a acne hormonal e como eliminar a acne hormonal através de um tratamento natural continue a ler esse artigo do umCOMO.

O que causa acne

Mas o que causa espinha depois da puberdade? Ou melhor, o que causa espinhas no rosto depois dos 30 anos de idade?

Em muitas ocasiões, o principal fator que desencadeia a acne hormonal é um desequilíbrio hormonal no organismo, o que pode acontecer em várias etapas da nossa vida, como:

  • Puberdade: essa é uma fase da nossa vida na qual se registram muitas mudanças hormonais e, consequentemente, a pele secreta uma quantidade maior de gordura. As espinhas aparecem com mais frequência na área T do rosto, onde há uma quantidade maior de glândulas sebáceas.
  • Gravidez: durante a gestação, o corpo feminino também passa por grandes mudanças hormonais e essas podem aumentar a produção de glândulas sebáceas e resultar em acne, espinhas, além de outras mudanças na derme, como manchas e estrias.
  • Menstruação: também se pode observar o aparecimento de acne e espinhas na área da mandíbula e do queixo durante a menstruação já que durante esses dias os hormônios atuam diretamente sobre a superfície da pele.
  • Stress: o stress atua diretamente sobre os hormônios androgênicos, provocando uma maior produção de gordura e uma consequente inflamação das glândulas sebáceas.
  • Pílula anticoncepcional: anticoncepcional para acne? Na realidade é o contrário: devido a grande quantidade de hormônios presente nesse medicamento, seu uso pode gerar acne hormonal. Por isso, em alguns casos pode ser melhor que você pare de tomar a pílula.
  • Transtorno hormonal: sofrer de um distúrbio hormonal específico, como a síndrome do ovário policístico (SOP) pode provocar o aparecimento de acne.

Leia também: Como tratar acne juvenil

Acne hormonal: limpeza e higiene da pele

Antes de recorrer a um tratamento para a acne hormonal, sendo ele natural ou a base de fármacos, é muito importante que você preste atenção na limpeza adequada da sua pele para evitar que as inflamações piorem devido a um excesso de gordura ou sujeira.

Há algumas regras básicas que devem ser levadas em conta na hora de lavar o rosto de que sofre de acne hormonal, como:

  • Lavar o rosto 2 vezes por dia, uma de manhã e outra de noite, para eliminar toda a sujeira e gorduras acumuladas, assim como restos de maquiagem.
  • Utilizar produtos adequados para essa limpeza: em caso que a acne hormonal aumente ou fique mais séria, deve-se usar uma pomada ou creme antiacne receitado por um dermatologista; se ela continua mais leve, é útil usar produtos para a pele gordurosa ou com acne hormonal, que seja à base de água, que não contenham azeites e que sejam livres de álcool e fragrâncias.
  • Usar sabonetes naturais também pode ser uma boa opção para lavar o rosto com acne hormonal. Alguns dos melhores, e até fáceis de se fazer em casa, são o de chá verde, coco, aveia, argila verde ou aloe vera. Se você estiver curioso sobre o assunto, leia o nosso artigo "Como fazer sabonete para pele oleosa".
  • Utilizar sempre água fria ou morna, evitando a água muito quente diretamente no rosto.
  • Retirar o sabonete ou outro produto sempre com água.
  • Secar a pele dando toques ligeiros com a toalha e nunca esfregando-a no rosto.

Além disso, se você gosta de se maquiar, mas sofre de acne hormonal confira os nossos conselhos no post "Como maquiar pele com acne".

Acne hormonal: tratamento natural e caseiro - Acne hormonal: limpeza e higiene da pele

Acne hormonal: como tratar com aloe vera

Um bom remédio para acne hormonal é usar aloe vera na pele com as espinhas. Os benefícios dessa planta, também chamada de babosa, para ajudar nas inflamações cutâneas são grandes e, entre eles, se destacam seus efeitos adstringentes, regeneradores e cicatrizantes.

Aloe vera, portanto, pode ajudar a reduzir as gorduras na pele, a desinflamar o local mais rapidamente e a reparar os tecidos prejudicados, prevenindo o surgimento de cicatrizes ou marcas.

Acne hormonal: tratamento caseiro com aloe vera

Nesse caso, o tratamento é simples, basta ter a sua disposição um pouco de gel de aloe vera, seja ele extraído diretamente de uma folha da planta ou de uma loção ou creme comprado em farmácia, e aplicá-lo sobre a pele com acne hormonal bem limpa. Deixe que o produto atue por no mínimo 20 ou 30 minutos.

Saiba também: Como fazer sabonete de aloe vera

Acne hormonal: como tratar com óleo de prímula

O óleo de prímula é um dos produtos naturais que podem ser usados por mulheres na hora de combater e eliminar a acne hormonal. A razão disso é que esse óleo tem muitos benefícios para a saúde feminina, entre eles os que estão relacionados à regulação hormonal.

Por conter ácido linolênico e gama-linolênico em sua composição, o produto consegue regular o sistema hormonal e é um excelente tratamento natural para aliviar ou melhorar os sintomas do transtorno pré-menstrual (TPM) e da menopausa, além de ajudar a regular também a menstruação.

Também se deve destacar a sua função antiacne, conseguindo reduzir a produção excessiva de gordura, diminuindo a inflamação dos poros e prevenindo o surgimento de novas impurezas.

Acne hormonal: tratamento com óleo de prímula

Você pode aplicar o óleo de prímula diretamente sobre a pele ou diluir esse líquido em um creme ou hidratante antiacne para potencializar seus efeitos.

Outra opção é a de incorporar cápsulas de óleo de prímula na sua dieta cotidiana. A dose geral varia entre os 4 e 8 gramas ao dia dividida em algumas cápsulas. Mesmo assim, é importante reforçar que sempre é recomendado consultar um médico ou dermatologista sobre o assunto.

Leia também: Como tomar prímula para regular a menstruação

Acne hormonal: tratamento natural e caseiro - Acne hormonal: como tratar com óleo de prímula

Acne hormonal: como tratar com melaleuca

Também é possível usar como tratamento para acne hormonal o óleo de melaleuca, ou tea tree, que tem propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias e cicatrizantes.

Esse óleo oferece resultados incríveis para diminuir inflamações comparados algumas vezes até com resultados dermatológicos.

O óleo de melaleuca impede a proliferação bacteriana na pele, desbloqueia os poros e reduz o seu inchaço e permite que a pele danificada se recupere e cicatrize com rapidez.

Acne hormonal: tratamento com óleo de melaleuca

Antes de dormir, dilua 5 gotas do óleo de tea tree em meio copo d'água e misture bem. Depois disso, aplique o líquido sobre a pele bem limpa com ajuda de um disco ou bola de algodão.

Deixe que o produto seque sozinho e fique com ele durante toda a noite. No dia seguinte, lave o rosto com bastante água morna ou fria.

Acne hormonal: como tratar com chá verde

Se falamos de remédios naturais para a acne hormonal não podemos deixar de mencionar o chá verde já que esse chá tão popular também é famosa por sua ação antibacteriana quando aplicada na pele.

Além disso, o chá verde também ajuda na regulação da atividade hormonal e evita que ocorram desequilíbrios na produção das glândulas sebáceas, mantendo a pele livre de espinhas e outras imperfeições.

Acne hormonal: tratamento com chá verde

Esse tratamento para acne hormonal também é muito simples. Prepare uma infusão de chá verde e espere que ela esfrie. Em seguida, aplique o chá sobre as áreas mais inflamadas com um disco de algodão.

Se você quiser aumentar ainda mais a eficácia desse tratamento, apenas adicione uma colher de café de vinagre de maçã na infusão.

Sugestão: Como fazer máscaras de chá verde

Acne hormonal: tratamento natural e caseiro - Acne hormonal: como tratar com chá verde

Acne hormonal: como tratar com máscara de mel e limão

Também se podem fazer máscaras de beleza caseiras com ingredientes baratos e fáceis de comprar para eliminar a acne hormonal de forma natural. Nesse caso, uma das mais famosas é feita com base de mel e limão, já que ambos são ótimos produtos antiacne.

O mel limpa a pele profundamente, a hidrata e reduz as impurezas, enquanto o limão é um adstringente natural que reduz a gordura, seca as espinhas do rosto rapidamente e previne as marcas deixadas pela acne.

Acne hormonal: tratamento com máscara de mel e limão

Misture duas colheradas de mel com meia colher de suco de limão recém espremido e aplique a máscara sobre a pele limpa deixando-a agir durante 30 minutos.

Descubra mais receitas de máscaras caseiras no nosso artigo "Como fazer máscaras caseiras para tratar a acne".

Acne hormonal: como tratar com levedura de cerveja

A levedura de cerveja é perfeita para eliminar a acne hormonal e ajudar a diminuir a inflamação da pele de uma vez por todas, já que seus benefícios são muitos.

Por um lado, a levedura é muito rica em zinco, que é um mineral que ajuda a regular o sistema hormonal e que contribui na síntese de hormônios como as tireoides, a progesterona e a testosterona.

Por outro, ela tem propriedades positivas para a pele pois é regeneradora e, assim, ajuda a pele se renovar por completo em todas as suas camadas.

Acne hormonal: tratamento com máscara de levedura de cerveja

Você pode incluir a levedura de cerveja na sua dieta como suplemento natural adquirindo cápsulas que estão disponíveis em farmácias ou lojas especializadas em ervas ou em pó para agregá-lo as suas receitas.

Outra opção é fazer uma máscara antiacne caseira juntando 2 colheres pequenas de levedura de cerveja a uma xícara de água fervendo e 10 gotas de suco de limão. Uma vez fria, aplique a mistura sobre a pele e a deixe atuar por cerca de 20 a 30 minutos.

Leia também: Como fazer máscaras com levedura de cerveja

Acne hormonal: tratamento natural e caseiro - Acne hormonal: como tratar com levedura de cerveja

Acne hormonal: manter uma alimentação saudável

Para combater a acne hormonal de maneira eficaz e ter uma pele bonita é muito importante também prestar atenção a sua alimentação diária já que certos ingredientes podem ajudar a eliminar inflamações mais rapidamente e outros, muito pelo contrário, podem provocar o surgimento de poros inflamados e espinhas.

Por isso, em seguida, te daremos alguns conselhos de como ter uma alimentação favorável para combater a acne hormonal:

  • Siga uma dieta equilibrada e saudável, rica em frutas e verduras frescas.
  • Inclua em sua dieta diária nutrientes como o ômega 3, betacaroteno, zinco e vitaminas B6 e C.
  • Beba bastante água durante o dia.
  • Evite o consumo de alimentos gordurosos ou com grandes quantidades de açúcares, assim como carnes vermelhas e produtos lácteos em excesso.
  • Limite o consumo de bebidas com cafeína e álcool.

Além disso, para mais informações sobre o assunto, leia o nosso artigo "Como combater a acne através da alimentação".

Anticoncepcionais ajudam a tratar a acne?

A acne é produzida quando os poros da nossa pele se obstruem devido a uma produção excessiva de gordura por parte das glândulas sebáceas, esta obstrução leva à formação de bactérias e posteriormente de pústulas, um sinal característico desta condição.

Existem diversos tratamentos para este problema com o objetivo de controlar a produção de gordura por parte das glândulas sebáceas, ou de cuidar das mudanças hormonais que podem levar a esta condição, e os anticoncepcionais orais são uma das alternativas.

Para compreender o efeito dos anticoncepcionais orais sobre a acne é importante entender as razões mais frequentes pelas quais este problema aparece. Esta condição pode ser originada devido a diferentes fatores, entre os quais se destacam:

Mudanças hormonais

Recapitulando, a acne é um problema comum principalmente na adolescência e na gravidez, duas etapas caracterizadas pelas mudanças hormonais. Este tipo de mudanças pode causar um aumento nos androgênios, os hormônios sexuais masculinos formados pela testosterona, a androsterona e a androstenediona, que se encontram presentes tanto no corpo das mulheres como dos homens.

Quando os níveis de androgênios aumentam, pode acontecer uma produção excessiva de gordura por parte das glândulas sebáceas, o que origina uma obstrução dos poros e a posterior acne.

Fatores genéticos

A acne é um problema que é originada por diferentes fatores onde as causas genéticas também são um componente a considerar. Se um ou ambos os pais sofreram de acne, há uma maior probabilidade de passar por isso também, apesar do vínculo hereditário ainda não estar claro; acredita-se que os hábitos e a informação contida nos genes possui a sua influência no tipo de acne que aparecerá, assim como na duração das lesões.

Outros fatores

Além das mudanças hormonais e da herança genética, outras condições que podem influenciar no aparecimento de acne são:

  • A idade: este problema aparece maioritariamente durante a adolescência.
  • O sexo: apesar da acne se manifestar tanto em mulheres como em homens, é mais forte no sexo masculino devido à elevada presença de androgênios no corpo dos homens.
  • Uma dieta rica em gorduras pode detonar uma maior produção de gordura.
  • Condições concretas como o uso de maquiagem inadequada, a exposição a óleos ou ambientes gordurosos, o clima úmido ou o uso de determinados medicamentos também podem favorecer o aparecimento de acne.

Que efeito têm os anticoncepcionais sobre a acne?

Os anticoncepcionais orais que usamos para prevenir uma gravidez não desejada normalmente estão compostos de dois hormônios, o estrógeno e a progestina, apesar de também poderem ter apenas progestina. Além de impedir a ovulação e atuar sobre o muco cervical, tornando-o mais espesso, os anticoncepcionais orais também ajudam a reduzir a presença de testosterona no nosso corpo, razão pela qual a sua ingestão está relacionada com a redução da acne.

Ao diminuir os níveis de testosterona no corpo as glândulas sebáceas produzirão menos gordura e, portanto, a obstrução de poros e formação de pústulas será reduzida. No entanto, é importante deixar claro que nem todos os comprimidos têm este efeito, por isso é muito importante que o dermatologista ou o ginecologista ajudem você a escolher a pílula adequada para o tratamento desta condição.

Além de reduzir os androgênios, as pílulas também podem tratar o aumento de espinhas com a chegada da menstruação, que aparecem porque perto da data da menstruação, os hormônios masculinos aumentam, tornando as mulheres mais propensas a ter espinhas.

Quais pílulas são adequadas?

Como dissemos anteriormente, nem todos os anticoncepcionais orais são indicados para combater a acne. Dependendo do tipo de progestina que o produto contiver, a acne poderia melhorar, isso no caso de contar com compostos antiandrógenos. Mas se não escolher a composição adequada as espinhas podem piorar pois algumas progestinas aumentam a presença de hormônios, como a testosterona.

Adicionalmente, os comprimidos anticoncepcionais devem ser ingeridos sempre sob supervisão médica para controlar os possíveis efeitos colaterais que possam aparecer.

Em quanto tempo verei os resultados?

A ingestão de anticoncepcionais orais para a acne não terá um efeito imediato no corpo da mulher nem também na aparência da pele. Regular as mudanças hormonais com o objetivo de melhorar a presença da acne pode demorar entre 3 e 6 meses, por isso não será antes de pelo menos 3 meses que as primeiras mudanças aparecerão na pele.

No entanto, poderá notar uma diferença na presença de espinhas que costumam aparecer antes da menstruação, por isso nesse aspecto notará uma melhoria desde o primeiro mês. Normalmente o tratamento para a acne com anticoncepcionais costuma ser combinado com outros remédios especiais para esta condição, no entanto, em casos leves ou de transtornos hormonais, podem ser receitados sozinhos sem o uso de outras alternativas.

Em caso de dúvida, consulte seu dermatologista, que dará a você as melhores alternativas para melhorar a sua condição.

Leia também: Como usar kefir para acne - Funciona mesmo?

Se pretende ler mais artigos parecidos a Acne hormonal: tratamento natural e caseiro, recomendamos que entre na nossa categoria de Peso e Imagem Corporal.

Bibliografia
  • BRENNER, Fabiane Mulinari, et al. Acne: um tratamento para cada paciente. Revista de Ciências Médicas, 2012, 15.3.
  • QADIR, M. Imran. Medicinal and cosmetological importance of Aloe vera. Int J Nat Ther, 2009, 2: 21-26.
  • KAPOOR, Shweta; SARAF, Swarnlata. Topical herbal therapies an alternative and complementary choice to combat acne. Res J Med Plant, 2011, 5.6: 650-9.
  • ELSAIE, Mohamed L., et al. The efficacy of topical 2% green tea lotion in mild-to-moderate acne vulgaris. Journal of drugs in dermatology: JDD, 2009, 8.4: 358-364.

Escrever comentário sobre Acne hormonal: tratamento natural e caseiro

O que lhe pareceu o artigo?

Acne hormonal: tratamento natural e caseiro
1 de 5
Acne hormonal: tratamento natural e caseiro

Voltar ao topo da página