menu
Partilhar

Higiene masculina: como fazer adequadamente

 
Por Juliana Ribeiro. 23 março 2022
Higiene masculina: como fazer adequadamente

A higiene íntima masculina tende a passar mais despercebida do que a feminina. Seja por falta de interesse ou de informação, há homens que cometem erros no momento de assear-se e acabam por não lavar adequadamente as partes íntimas. Essa negligência acarreta uma série de consequências como maus odores, risco de infecções e outros desconfortos.

A higiene genital masculina inadequada traz sérios riscos à saúde, tornando sua importância muito maior. Por isso, é fundamental aprofundar-se neste tema para que todos os homens realizem uma higiene íntima diária cuidadosa. Para descobrir como fazer a higiene masculina adequadamente, qual é a roupa íntima mais adequada e outros aspectos relacionados, no umCOMO recomendamos que você continue lendo este artigo.

Também lhe pode interessar: Dicas de higiene íntima masculina

Higiene masculina: rotina diária adequada

Para manter uma higiene íntima masculina adequada, é necessário cumprir diariamente as seguintes indicações, especialmente após praticar esportes ou após sudorese por qualquer outra atividade:

  • Lave as partes íntimas diariamente com água e sabão. Como lavar o pênis? O sabonete deve ser neutro ou levemente ácido, semelhante ao pH da área tratada. Você também deve evitar o uso de esponjas ou luvas, pois são uma fonte potencial de contaminação, principalmente fungos. Existem também sabonetes específicos para lavar a zona íntima dos homens com ações antifúngicas, antissépticas, desodorizantes, anti-inflamatórias e hidratantes.
  • Limpe as partes íntimas com papel toda vez que urinar.
  • Lave cada área e suas dobras correspondentes, desde a parte anal até o pênis, virilha, testículos e escroto. É importante enxaguar bem com água para evitar possíveis irritações.
  • Puxe suavemente o prepúcio para trás para limpar a área, também na glande, no caso de homens não circuncidados. É importante lavar corretamente essa parte todos os dias, pois as secreções excretadas por uma série de glândulas localizadas na base da glande, conectadas ao prepúcio, acumulam-se facilmente nela: são conhecidas como esmegma e, se não forem limpas com frequência, geram mau cheiro e irritações.
  • Evite o uso de cremes, desodorantes, perfumes ou talco nas partes íntimas masculinas. Deve ser aplicado apenas em casos de irritação, lesão ou desidratação, mas sempre com produtos específicos indicados por um especialista.
  • Seque bem a área para evitar que a umidade se acumule, sendo prolífico para o aparecimento de fungos e bactérias. Aconselha-se a utilização de uma toalha que seja utilizada apenas para esta zona íntima.
Higiene masculina: como fazer adequadamente - Higiene masculina: rotina diária adequada

Higiene masculina no sexo

Para ter relações sexuais seguras e satisfatórias, é muito importante seguir uma série de dicas de como ter uma boa higiene íntima para homens nessa área:

  • Lave os genitais adequadamente antes e depois da relação sexual, especialmente se forem usados ​​lubrificantes ou preservativo.
  • Urinar após a relação sexual. Desta forma, as possíveis bactérias que estão no pênis são eliminadas.
  • Evite depilar os genitais, o cabelo é uma das proteções naturais contra infecções que a área íntima masculina possui. Em vez de depilar por completo, dê preferência por aparar os pelos pubianos.

Se quiser saber mais dicas sobre higiene íntima masculina, recomendamos que consulte nosso post com dicas de higiene íntima masculina.

Higiene masculina: como fazer adequadamente - Higiene masculina no sexo

Vestuário adequado para uma boa higiene masculina

Além de cuidar diariamente da higiene masculina e seguir os conselhos sobre as relações sexuais, é importante levar em conta uma série de recomendações sobre o vestuário adequado para uma boa higiene dos órgãos genitais. São as seguintes:

  • Evite usar roupas apertadas em casa e ao ar livre. Para promover uma boa transpiração na zona, pode optar por dormir sem roupa íntima.
  • Selecione roupas íntimas de algodão. É importante que sejam confeccionadas deste material, pois permitem uma boa respirabilidade, reduzindo assim a transpiração na área. Tudo isso reduz o risco de infecção por bactérias ou fungos.

O que evitar para ter uma boa higiene masculina

Para terminar de descobrir tudo sobre a rotina de cuidados com os genitais masculinos, há algumas coisas que você deve evitar para mantê-la bem cuidada e para que não surjam doenças devido à má higiene masculina:

  • Vá a um especialista quando surgirem problemas de infecção fúngica ou bacteriana, evite tratá-los sob critérios pessoais que possam agravar a situação. Vá com urgência a um médico especialista para que ele faça um exame, possa fazer um diagnóstico específico e lhe dar o melhor tratamento a seguir.
  • Evite o uso de géis convencionais para lavar a área íntima masculina. Da mesma forma que você costuma usar um shampoo específico para o cabelo, os órgãos genitais exigem um sabonete específico para uma lavagem adequada sem colocar em risco sua saúde. Tenha em mente que as áreas genitais de homens e mulheres não têm o mesmo pH que outras áreas do corpo, daí a necessidade de usar sabonetes especiais para essa área.
  • Evite usar a esponja com que lava o resto do corpo para limpar a zona íntima. É um foco potencial de fungos, mas se você quiser usar uma para os genitais, a melhor opção é usar uma esponja dedicada exclusivamente a essa parte do corpo.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Higiene masculina: como fazer adequadamente, recomendamos que entre na nossa categoria de Beleza e Cuidados Pessoais.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
Higiene masculina: como fazer adequadamente
1 de 3
Higiene masculina: como fazer adequadamente

Voltar ao topo da página