Partilhar

Estrias em homens: tratamento caseiro e causas

Estrias em homens: tratamento caseiro e causas

As estrias em homens são tão comuns quanto em mulheres. Estamos falando de uma ruptura de fibras de da pele devido a um estiramento geralmente abrupto. Visualmente elas podem aparecer como manchas em formas de linhas vermelhas, rosadas ou brancas. Costas, lateral das coxas, ombros, parte detrás dos joelhos e lombar são as partes do corpo masculino que estão mais vulneráveis ao surgimento das estrias, ainda que existam homens com estrias nas nádegas. Se você quer entender melhor e busca uma solução para este incômodo estético, o umCOMO preparou um artigo completo sobre estrias em homens: tratamentos e causas.

Também lhe pode interessar: Tratamentos caseiros para estrias

Principais causas das estrias masculinas

A principal causa das estrias masculinas é o crescimento do corpo e suas alterações hormonais que acontecem especialmente na juventude. Engordar e emagrecer muito rápido (efeito sanfona) e musculação irresponsável também podem ser responsáveis, além de um fator genético.

Ademais, existem outros fatores que também pode acarretar esse rompimento das fibras da pele e potencializar o aparecimento das estrias como uma alimentação desregulada (homens com estrias na barriga e o aumento de peso), uso de anabolizantes, esteroides e corticoides.

  • Alterações hormonais;
  • Estirão de crescimento;
  • Efeito sanfona;
  • Musculação exagerada;
  • Genética.

Estrias nas costas: causas

A região do corpo em que os homens estão mais suscetíveis ao aparecimento de estrias são as costas, já que no estirão de crescimento entre a adolescência e a fase adulta acontece um estiramento relativamente rápido e desproporcional com o resto do tempo na pele das costas, o que provoca o rompimento das fibras elásticas da pele originando as estrias. Vale lembrar que isso não é uma exceção apenas para quem está acima do peso, estrias em homens magros também podem surgir por essas causas.

Aprofunde-se em: Por que as estrias aparecem

Estrias em homens: tratamento caseiro e causas - Principais causas das estrias masculinas

Tratamentos para estrias em homens

O ideal é procurar um dermatologista ao primeiro sinal do aparecimento de estrias. Quanto antes um diagnóstico, maiores as chances de uma intervenção eficiente. A grande maioria dos tratamentos disponíveis no mercado promete amenizar o aspecto visual das estrias na pele, o que não necessariamente significa eliminá-las.

O médico deverá avaliar o seu tipo de estria e indicará o tratamento mais adequado, os mais comuns são:

  • Cremes de tratamento: os cremes específicos para estrias devem ser indicados por um médico já que os mais eficazes possuem ácidos em sua fórmula e são designados a diferentes tipos de estrias;
  • Laser de CO2 fracionado: o laser aplicado por especialistas intensifica a cicatrização e combate a flacidez rompendo uma parte das células da pele. Isso estimula a produção de colágeno e reestrutura as células com uma aparência menos impactante. Para observar resultados, geralmente são necessárias, pelos menos, 5 sessões.
  • Luz pulsada: geralmente o tratamento da luz pulsada para estrias é combinado com o uso da vitamina C injetada na cicatriz da estria. A reação do organismo à vitamina com a atividade da luz pulsada contrai a derme e promove um afinamento das linhas;
  • Carboxiterapia: libera gás carbônico medicinal através de uma micro agulha;
  • Radiofrequência: ondas disparadas atingem a camada mais profunda da pele e estimulam a produção de colágeno, que ajuda a melhorar o aspecto das estrias;
  • Peeling: existem diferentes tipos de peeling e o mais indicado para o seu caso deverá ser indicado por um dermatologista. De forma geral, o que todos fazem é esfoliar a pele para que ela se regenere com novas camadas e amenizando então as manchas de estrias.
  • Epidermodivulsão: pequena intervenção cirúrgica em que uma agulha 'descola' as estrias e estimula a produção de colágeno na região.

Veja também: Ideias de tatuagens para esconder estrias nas pernas

Tratamentos caseiros para estrias e como evitá-las

De fato, o melhor tratamento caseiro para estrias em homens e mulheres é a prevenção por meio de hábitos saudáveis e cuidados com a pele, já que a maioria dos tratamentos disponíveis não elimina as cicatrizes, apenas ameniza o seu aspecto ou promove uma dose extra de hidratação para a pele:

  • Alimentação balanceada: todas as frutas,legumes e verduras estão repletas de nutrientes com propriedades que cuidam da pele. Inclui-los na alimentação previne o ressecamento da pele além de evitar o efeito sanfona, que também é responsável pelo rompimento das fibras da derme;
  • Mantenha a pele hidratada: além de se cuidar 'de dentro para fora', incluir cremes hidratantes e óleos corporais na sua rotina de cuidados ajuda na manutenção da elasticidade da pele e também conta como prevenção. Na hora de escolher os produtos, dê preferência aos são à base de ácido hialurônico, ureia e glicerina;
  • Cuidado com o sol: a história de que o sol acaba com as estrias é mito. O que acontece é que a aparência bronzeada da pele apenas disfarça as estrias. Os raios solares sobre as cicatrizes podem inclusive piorar o estado delas. Não dispense o protetor solar;
  • Exercite-se com moderação: na ansiedade de conseguir mudanças no corpo por meio dos exercícios físicos o quanto antes, muitos homens exageram na dose, o que provoca estrias. Para evitar esse estiramento na pele, o ideal é ter um profissional que acompanhe a sua rotina de exercícios para que você os realize de maneira equilibrada, porém eficiente proporcionando um crescimento gradual dos músculos.

Para outros tratamentos caseiros para estrias, sugerimos os seguintes artigos do umCOMO:

Se pretende ler mais artigos parecidos a Estrias em homens: tratamento caseiro e causas, recomendamos que entre na nossa categoria de Beleza e Cuidados Pessoais.

Escrever comentário sobre Estrias em homens: tratamento caseiro e causas

O que lhe pareceu o artigo?

Estrias em homens: tratamento caseiro e causas
1 de 2
Estrias em homens: tratamento caseiro e causas

Voltar ao topo da página